Globo: Os personagens estranhos de Saramandaia

Por em 03/06/13
Marcos Palmeira defende que Bole Bole não vire Saramandaia

De óculos e de bigodinho, Marcos Palmeira encarna o Cazuza, o farmacêutico de Bole Bole, a cidade cenário de Saramandaia, o remake que a Rede Globo põe no ar no novo horário das 11 horas da noite e que revive novela de sucesso da própria emissora, escrito pelo dramaturgo Dias Gomes. O ator dá vida ao dono da única farmácia da cidade.

Palmeira é apenas um dos muitos personagens folclóricos da nova novela que, como afirma a própria Rede Globo, é livremente inspirada na obra de Dias Gomes e que será dirigida por Denise Sarraceni e Fabrício Mamberti. Cazuza, marido de Maria Aparecida (Ana Beatriz Nogueira) e pai de Marcina (Chandelly Braz) não quer nem ouvir falar sobre a mudança de nome da cidade, uma polêmica que está no centro da novela e que irá envolver a cidade e seus personagens, com alguns defendendo a mudança e outros, a manutenção do nome Bole Bole. A novela original foi um grande sucesso na Globo.

Outro dos personagens da novela é vivido pelo ator Sérgio Braz, que veste o papel de João Gibão, o homem que voa e que não se separa de um gavião. Para se acostumar com o bicho, que irá acompanha-lo nas gravações, Sérgio já está alimentando a ave para que ela também se acostume com ele.

Gibão é um dos centros da polêmica sobre a mudança de nome de Bole Bole, pois é ele quem sonha que a mudança deve ser feita para Saramandaia. A discussão da mudança ou permanência do antigo nome vai dividir Bole Bole e ocupar a novela da Globo. Os tradicionalistas defendem que tudo fique como está, mas os “mudancistas”, como diria Odorico Paraguaçu, querem a troca do nome.

Visto como estranho, pois as pessoas não sabem o que ele leva embaixo do seu gibão – daí o apelido – João é um rapaz doce, quieto e amigo dos pássaros, mas vai acabar perseguido e preso. Muito reservado, ele tem medo de que as pessoas descubram que tem asas e não o aceitem

Você deve se logar para comentar Login